Temer vai renunciar?

Compartilhe este texto:


foto Brasil 247

Temer
Em poucas horas o governo de Michel Temer veio abaixo e quanto mais ele demora para manifestar-se, mais drástica fica a situação dele. A demora pode resultar em sua saída à fórceps da Presidência da República. Temer foi flagrado em gravações, com autorização do Supremo Tribunal Federal e não por um juiz da 1a instância, estimulando a compra do silêncio do ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Aécio
Aécio Neves agora é senador AFASTADO. A decisão é do Supremo Tribunal Federal. O político aparece em gravações, com autorização do Supremo Tribunal Federal e não por um juiz da 1a instância, pedindo R$ 2 milhões a empresários da JBS. A situação do senador afastado do PSDB é gravíssima, pois o dinheiro foi entregue a um primo de Aécio e o pior: os investigadores colocaram um rastreador e as notas estavam em sequencia.
O Ministério Público Federal quer a prisão do tucano, mas o ministro Edson Fachin
negou o pedido. A situação é similar a de Eduardo Cunha que foi afastado e depois preso. Tudo é explosivo neste momento.


Aécio 2

A irmã e principal conselheira do senador afastado, Andrea Neves da Cunha, já foi presa e o primo deles, Frederico Pacheco de Medeiros também. Outro das relações estreitas de Aécio que foi detido pela Polícia Federal é Mendherson Souza Lima, assessor do senador Zezé Perrella (PMDB-MG), o dono do tal helicóptero apreendido com mais de 400 kg de cocaína.

Os irmãos Joesley e Wesley Batista, que fizeram a delação, teriam sido ameaçados de morte e estão fora do país com autorização da justiça. Depois da misteriosa morte do ministro do STF Teori Zavask todo o cuidado é pouco.

Um detalhe sem maior importância é que ontem (17.05.17) fez dois meses que estourou a operação Carne Fraca, que colocou a JBS entre as empresas que maquiavam carne vencida.

O furo de reportagem, que trouxe à tona o escândalo é do jornalista de O Globo, Lauro Jardim


Compartilhe este texto:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *